Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cenas

Os Sentidos

Outubro 04, 2021

21771146_EMZV7.jpegGostava que os meus sentidos tivessem a capacidade de olhar para uma fotografia tua e da mesma forma que vejo a tua imagem pudesse ouvir a tua voz e sentir o cheiro da tua presença, para me fazer recordar se a tua voz é grave ou aguda e o teu cheiro fresco ou quente como se entrasse numa maquina do tempo e recuasse ao momento em que a foto foi tirada.

O Comprimido

Setembro 30, 2021

21766841_auhMR.jpeg

Não sei como me estou a sentir, se pequeno ou grande, no entanto, sinto-me livre de ti, sem sentir a tua dependência, nem a tua necessidade, mas  parece que estou aconchegado e escondido dentro da palma da tua mão enquanto o vento sopra sobre o teu corpo indiferente e eu sou transportado pela sabedoria que os teus olhos julgam, que me levam a navegar em mares, ora calmos, ora turbulentos, eu vou confiando nesse teu julgamento, nessas tuas regras, nessas tuas decisões e vou mareando com o juízo de um almirante numa nau de papel.

A Dúvida

Setembro 27, 2021

21760159_s9izS.jpegQuando era pequeno disseram-me para eu procurar seguir sempre as luzes que apareciam no meu caminho. Eu fiz isso grande parte da minha vida, ate chegar a um momento do meu percurso em que as luzes deixaram de surgir com regularidade, começaram a escassear e eu comecei a seguir outras fontes de iluminação. Hoje sinto que talvez já não siga as luzes que surgem na minha caminhada, mas sim apenas o seu reflexo e muitas vezes fico sem saber se a fonte dessa iluminação está perto de mim ou totalmente afastada, por isso duvido muitas vezes da minha caminhada.

 

A Ideia

Setembro 20, 2021

21758658_vPZRh.jpegSubitamente tive uma ideia de génio, mas não como aquelas ideias que aparecem nos livros de cartoon onde a ideia aparece representada por uma lâmpada junto da cabeça de um personagem. A minha ideia era para um problema mais antigo é precisava para sua representação de ser apresentada não com uma lâmpada elétrica, mas com uma vela acesa. As vezes os problemas são tão antigos que tenho representações dessas, com velas, quando me surgem ideias de génio.

 

O Banco

Setembro 01, 2021

21747358_lDAZa.jpegA minha casa fica situada num monte afastada do centro da cidade. Perto dela existe um miradouro com um banco que permite ver a cidade em baixo. Eu gosto a noite de caminhar ate esse banco e sentar-me a observar as luzes da cidade, não pensar em nada, apenas ver as luzes e respirar o ar da noite. Por vezes costumo acender um cigarro e fumo devagar e fico a olhar sentado no banco.

 

 

A Bicicleta

Agosto 18, 2021

21743248_m1JGp.jpegComo é teu hábito chegaste pontual. Desta vez tinha-me antecipado a ti, estava perto do estacionamento de bicicletas onde guardas a tua. Vi-te chegar, tu não me viste. Trazias um lenço ao pescoço que esvoaçava enquanto pedalavas com elegância, vestias uma camisa bege claro, uma saia azul que dava pelo meio da perna e calçavas umas sandálias. Colocaste a bicicleta no estacionamento e nessa altura viste-me, sorriste e acenas-te para mim. Respondi ao teu gesto com um aceno idêntico. De seguida vieste ter comigo e perguntaste-me se já tinha chegado a muito tempo.

O Fosforo

Agosto 12, 2021

21741645_I8t3b.jpegAcendi o rastilho de um pavio de uma bomba que provocou uma explosão dos meus nadas que fez tanto barulho, mas ninguém ouviu, mas muitos viram as letras que saiam dos meus dedos em raiva que escreviam palavras desordenadas contra mim e os meus e tudo começou com este fosforo acesso. E eu fiquei sozinho a ouvir o eco da explosão e a ver a chama do fosforo.

Mensagens

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub